Notícias

Saiba qual é o papel das Apaes perante a sociedade

Em Curitiba, a instituição atua há mais de 60 anos e atende quase 500 PCDs
Paulo Fortunato
Jornalista, Coordenador de Comunicação, Markentig e Eventos
Publicado em
Saiba qual é o papel das Apaes perante a sociedade

A Apae é a maior rede de apoio às Pessoas com Deficiência Intelectual ou Deficiência Múltipla. Atualmente são mais de 2.200 unidades espalhadas pelo Brasil e mais de 1.300.000 assistidos pelas unidades. 

Segundo dados do IBGE de 2010, o Brasil tem mais de 45 mil pessoas com deficiência, o equivalente a 23,9% da população do país. Segundo a Secretária de Assuntos Metropolitanos de Curitiba, na região cerca de 20,5% possuem algum tipo de deficiência, o que equivale a 661.832 pessoas.  

As Apaes surgem da necessidade de cobrir a ineficiência do Estado em prestar devida assistência às pessoas com Deficiência Intelectual ou Deficiência Múltiplas. Em um país historicamente marcado por forte rejeição, discriminação e preconceito, as famílias dessas pessoas, empenhadas em buscar soluções alternativas para que seus filhos alcancem condições de serem incluídos na sociedade, com garantia de direitos como qualquer outro cidadão, criaram as primeiras associações.

A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), tem como objetivo educar, realizar atendimentos na área da saúde e lutar por seus direitos na perspectiva de inclusão social.

Basicamente o Movimento Apaeano é uma grande rede constituída por pais, amigos, pessoas com deficiência, voluntários, profissionais e instituições parceiras – públicas e privadas – unidas para a promoção e defesa dos direitos de cidadania da pessoa com deficiência e a sua inclusão social.

A Primeira Apae

A Apae – Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais nasceu em 1954, no Rio de Janeiro. Caracteriza-se por ser uma organização social, cujo objetivo principal é promover a atenção integral à pessoa com deficiência, prioritariamente aquela com deficiência intelectual e múltipla. A Rede Apae destaca-se por seu pioneirismo e capilaridade, estando presente, atualmente, em mais de 2.200 mil municípios em todo o território nacional.

A Apae Curitiba

A Apae Curitiba foi fundada em 6 de outubro de 1962 e surgiu sob o mesmo escopo do movimento, de promover e articular ações de defesa de direitos, prevenção, orientações, prestação de serviços e apoio às famílias, na busca do desenvolvimento integral, habilitação e reabilitação, melhoria da qualidade de vida e inclusão social da pessoa com deficiência intelectual e/ou múltiplas, na família e comunidade.

Na capital paranaense, a Apae Curitiba é mantenedora de 5 Escolas Especializadas, 3 Centros Terapêuticos e 7 Casas Lar, atendendo quase 500 alunos, alcançando mais de 700 atendimentos por dia, considerando o turno integral, e 37 acolhidos nas Casas Lar. Somente em 2022, foram quase 35 mil atendimentos terapêuticos gratuitos ofertados pela instituição.

Atua em três pilares – educação, saúde e assistência social -, a Apae Curitiba conta com a força de trabalho de quase 300 colaboradores para a realização dos seus propósitos.

A Apae Curitiba não é um órgão do governo e sim uma instituição sem fins lucrativos. Para manter os atendimentos, é necessária a participação da comunidade por meio de doações e voluntariado. A associação ainda enfrenta problemas financeiros oriundos da pandemia da COVID 19, onde as doações tiveram uma redução de 70%. Mesmo no período pandêmico, os atendimentos continuam sendo realizados de forma online.

Não deixe de doar! Ajude a Apae Curitiba

A Apae de Curitiba precisa da sua ajuda. Hoje a instituição atende quase 500 estudantes em cinco escolas, oferecendo saúde e assistência social. São realizados, em média, 50 mil atendimentos terapêuticos por ano e 3,5 mil por dia. Por ser uma instituição sem fins lucrativos precisa de apoio da sociedade. O ambiente precisa de reformas e para isso, que tal doar para a Apae Curitiba e apoiar a causa da pessoa com deficiência intelectual ou múltipla? É muito fácil, clique AQUI e saiba mais. 

Contamos com três centros terapêuticos com atendimentos gratuitos às pessoas com deficiência intelectual ou múltipla. A instituição é mantenedora de cinco escolas especializadas localizadas em Santa Felicidade, Batel e Seminário, em Curitiba; e sete Casas Lar. Confira nossas escolas clicando AQUI

Notícias Relacionadas

Sem mais notícias por enquanto!
Skip to content