Notícias

Representantes da Apae Curitiba assumem os cargos de vice-presidente e conselheira no COMTIBA

O mandato desses novos membros estende-se até fevereiro de 2026.
bio-eduarda-zeglin
Eduarda Zeglin
Assistente de Comunicação, Marketing e Eventos
Publicado em

Na tarde da última terça-feira (06), Eduardo Feichas Szpunar, Gerente de Desenvolvimento Institucional, e Priscila Antunes, também integrante do setor de relações da Apae Curitiba, foram designados para ocupar posições de destaque no Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (COMTIBA). Eduardo foi nomeado Vice-presidente, enquanto Priscila assumirá o papel de Conselheira. Essas nomeações refletem um compromisso significativo com a promoção e proteção dos direitos das crianças e adolescentes.

Atualmente o Conselho é composto por 18 membros, sendo nove representantes governamentais e nove da Sociedade Civil. A inclusão da Apae e de outras organizações da Sociedade Civil ocorreu através de um processo de cadastramento, e os cargos foram designados por meio de uma eleição conduzida em 2023 pelo conselho. A presidência do COMTIBA segue um padrão de revezamento, sendo composta por um representante governamental no primeiro ano do mandato e, no segundo ano, por uma Organização da Sociedade Civil. 

Eduardo ressalta a preocupação em buscar pessoas que estejam dispostas a assumir responsabilidades adicionais e engajadas na causa. Como vice-presidente, terá a tarefa de liderar o Conselho, articulando pautas e trabalhando para garantir os direitos das crianças e dos adolescentes. ”Essa é uma excelente oportunidade pra trabalhar por políticas públicas pra criança e pro adolescente, pra que o nosso trabalho seja perene, tenha recurso, tenha apoio do poder público e até mesmo da sociedade, obtendo avanços sem depender de recursos pontuais e conquistando novos direitos”, relatou Szpunar. 

Agora a Conselheira, Priscila relata que essa função vai muito além das atividades desenvolvidas na entidade, é um compromisso com a cidadania. ”O COMTIBA tem atribuição de avaliar e zelar pela aplicação da Politica Municipal de Atendimento dos Direitos da criança e adolescente. Então é um privilégio poder fazer parte desse conjunto e buscar fazer políticas públicas nesse sentido sempre buscando a defesa e garantia dos Direitos”, disse.

A atuação da Apae Curitiba no COMTIBA, marca um progresso em termos de representação institucional. Esse avanço envolve o comprometimento com o trabalho por políticas públicas que não se limita apenas ao âmbito da organização, mas busca também apoiar e consolidar as ações das demais entidades e da sociedade. 

Para saber tudo sobre Deficiência Intelectual, Síndromes e Transtornos, siga a Apae Curitiba no Facebook e Instagram.

WhatsApp Image 2024-02-08 at 13.33.44

Não deixe de doar! Ajude a Apae Curitiba

A Apae de Curitiba precisa da sua ajuda. Hoje a instituição atende quase 474 estudantes em cinco escolas, oferecendo saúde e assistência social. São realizados, em média, 40 mil atendimentos terapêuticos por ano e 3,4 mil por mês. Por ser uma instituição sem fins lucrativos precisa de apoio da sociedade. O ambiente precisa de reformas e para isso, que tal doar para a Apae Curitiba e apoiar a causa da pessoa com deficiência intelectual ou múltipla? É muito fácil, clique  AQUI e saiba mais! 

Notícias Relacionadas

Nota à Imprensa e a Comunidade

Voltar Notícias Paulo Fortunato Jornalista, Gerente de Comunicação, Markentig e Eventos Publicado em21 de fevereiro de 2024 A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Curitiba vem por

Sem mais notícias por enquanto!
Pular para o conteúdo