Notícias

Ecolalia pode ser uma estratégia de comunicação para crianças com Espectro Autista

Segundo estudos, a ecolalia pode ser entendida como uma interação social.
bio-eduarda-zeglin
Eduarda Zeglin
Assistente de Comunicação, Marketing e Eventos
Publicado em

A ecolalia é uma característica que pode ser apresentada e observada entre crianças durante a fase inicial de descobertas de palavras e conceitos básicos. Este fenômeno envolve a repetição de palavras, com a emissão de sons da fala sem necessariamente compreender o significado por trás delas.

A ecolalia percorre três estágios distintos: imediato, tardio e mitigado. Na ecolalia imediata, as crianças repetem palavras logo após ouvi-las, enquanto a ecolalia tardia envolve repetições em um momento posterior, muitas vezes fora de contexto. A ecolalia mitigada caracteriza-se por modificações nas repetições, seja imediata ou tardia, com o intuito de se comunicar.

No contexto do Espectro Autista (TEA), pesquisadores destacam que crianças com TEA podem apresentar variações na ecolalia, incluindo modificações e misturas de palavras. À medida que essas crianças desenvolvem uma compreensão mais profunda da linguagem, é observado um progresso no uso de frases mais curtas ou apenas algumas palavras para expressar suas ideias.

Embora a dificuldade de comunicação seja comum em crianças com TEA, é crucial entender se a ecolalia interfere no desenvolvimento da comunicação, na reciprocidade e no contato social. O diagnóstico é geralmente realizado por profissionais que observam os padrões comportamentais e a repetição da fala.

Um estudo mencionado pelo portal “autismorealidade” revelou que o uso da ecolalia tardia pode ser uma ferramenta eficaz para interações sociais. Durante a pesquisa, observou-se que as crianças utilizavam a ecolalia para iniciar interações e chamar a atenção de seus cuidadores. Apesar de comumente associamos a ecolalia a algo negativo, prejudicial à comunicação, é essencial considerar o contexto em que está sendo empregada. Repetições sem propósito claro podem prejudicar a comunicação, mas quando utilizada estrategicamente, pode ser valiosa, especialmente devido às dificuldades de interação enfrentadas por pessoas com autismo.

Portanto, é fundamental que a pessoa receba acompanhamento de um profissional qualificado, como o fonoaudiólogo, para avaliar e direcionar as necessidades específicas de cada caso. A intervenção precoce desempenha um papel crucial na evolução das pessoas com Transtorno do Espectro Autista, e a avaliação e intervenção devem ser personalizadas, considerando as dificuldades individuais.

A abordagem de intervenção é personalizada, focando na individualidade da criança autista. Exercícios específicos são empregados para desenvolver a comunicação, buscando alcançar autonomia e independência na expressão verbal.

Ajude a Apae Curitiba com suas Notas Fiscais

A Apae Curitiba disponibiliza urnas de coleta para notas fiscais em instituições parceiras. Quando o cliente não informa seu CPF é possível deixá-las dentro da urna como forma de doação. Nós passamos recolhendo periodicamente e lançamos no sistema do Nota Paraná e, assim, conseguimos recolher o valor dos impostos e reverter em doação para ajudar com os custos da instituição. Se você tem um comércio, entre agora mesmo em contato conosco e informe seu desejo de nos ajudar que levaremos até você uma urna de coleta. Contamos com sua ajuda. Muitas vidas podem ser impactadas através dessa sua atitude. Saiba mais clicando AQUI

Hoje a instituição atende quase 474 estudantes em cinco escolas, oferecendo saúde e assistência social. São realizados, em média, 40 mil atendimentos terapêuticos por ano e 3,4 mil por mês. Por ser uma instituição sem fins lucrativos precisa de apoio da sociedade. O ambiente precisa de reformas e para isso, que tal doar para a Apae Curitiba e apoiar a causa da pessoa com deficiência intelectual ou múltipla? É muito fácil, clique AQUI e saiba mais. 

Notícias Relacionadas

Nota à Imprensa e a Comunidade

Voltar Notícias Paulo Fortunato Jornalista, Gerente de Comunicação, Markentig e Eventos Publicado em21 de fevereiro de 2024 A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Curitiba vem por

Sem mais notícias por enquanto!
Pular para o conteúdo