Notícias

Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência debate formas de inclusão

A data é celebrada desde 1982, instituída pela Lei nº 11.133/2005.
Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência debate formas de inclusão
Eduarda Zeglin
Estagiária de Jornalismo
Publicado em
Imagem de um estudante da apae num jogo de futebol

O Dia Nacional da Luta da Pessoa com Deficiência é celebrado desde 1982 por uma iniciativa promovida através do Movimento pelos Direitos das Pessoas Deficientes (MDPD) – grupo que traz debates e propostas de transformação social das pessoas com deficiência (PcD). A data foi instituída pela Lei nº 11.133/2005 para promover a conscientização e discutir questões que ajudam a desenvolver maneiras de inclusão. 

Desde os anos 2000 ativistas já lutavam pela causa, os quais foram em busca de uma sociedade mais democrática e igualitária. É preciso cada vez mais lutar por leis que façam valer os direitos e a promoção de políticas públicas. Algumas delas já foram implementadas com a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (LBI). A legislação atende mais de 45 milhões de cidadãos, dando suporte, oferecendo atendimentos prioritários, direito à reabilitação e acessibilidade nas mais diversas áreas, seja na saúde, educação, tecnologia, transporte e assistência social. 

Apesar de terem os seus direitos assegurados, ainda há muito a ser feito e debatido para que as PcD possam ser vistas como parte da sociedade, tendo uma vida com mais liberdade e autonomia. Inacessibilidade, barreiras atitudinais e dificuldades no mercado de trabalho ainda são problemas recorrentes, sendo necessário que existam ações que promovam a assistência para combatê-las. Mesmo com as leis vigentes é importante que a sociedade contribua para quebrar os preconceitos que ainda existem e impedem de exercerem o seu papel de cidadania. 

Ajude a Apae Curitiba com suas Notas Fiscais

A Apae Curitiba disponibiliza urnas de coleta para notas fiscais em estabelecimentos parceiros. Quando o cliente não informa o CPF é possível deixá-las dentro da urna para doação. A instituição recolhe periodicamente e lança no sistema Nota Paraná e consegue recolher o valor dos impostos e reverter para ajudar com os custos da associação. 

Se você tem um comércio, entre em contato com a Apae Curitiba pelo telefone (41) 3322-9339 e informe seu desejo de ajudar a instituição. Muitas vidas podem ser impactadas através dessa atitude. 

Hoje a Apae Curitiba atende quase 500 estudantes em cinco escolas, oferecendo educação, saúde e assistência social. São realizados, em média, 50 mil atendimentos terapêuticos GRATUITOS por ano e 3,5 mil por dia. Por ser uma instituição sem fins lucrativos precisa do apoio da sociedade. Doe e apoie a causa da pessoa com deficiência intelectual ou múltipla. Clique AQUI e saiba mais.

Notícias Relacionadas

Sem mais notícias por enquanto!
Skip to content