Notícias

CEDAE realiza Oficinas de Teatro junto ao Projeto Coletivo Inclusão

Projeto acontece todas às segundas-feiras na unidade do Batel
rhubia
Rhúbia Ribeiro
Assistente de Marketing
Publicado em
Alunos do CEDAE acompanham sentados de costas para a foto a apresentação de teatro de fantoches. Mais ao fundo, Iury apresenta o teatro de joelhos, ele está com cavalinhos na mão.

A Escola de Educação de Estimulação e Desenvolvimento (CEDAE) da Apae Curitiba está proporcionando aos alunos uma Oficina de Teatro todas as segundas-feiras. O evento conta com o apoio de profissionais do Projeto Coletivo Inclusão, como Iury Pietreski, professor, oficineiro, ator e manipulador de bonecos; e Nayana Valente. 

“Trabalhamos com o teatro em si e o teatro de bonecos. Fazemos práticas em grupos que ajudam na socialização entre elas, a integração e o trabalho em equipe. Também, na questão do lúdico, pois é muito importante eles brincarem. Falo brincadeira porque trabalhamos com brincadeiras, com atividades que os fazem aprender e terem mais contato com essa atmosfera. Eu sempre falo que é brincando que se aprende. Quando jogamos e brincamos, aprendemos a ganhar e perder”, diz Iury. 

O projeto também é realizado em outras Apaes. “É uma oficina que acontece toda semana. Uma aula por semana em cada Apae. Fazemos aqui, em Fazenda Rio Grande e em São José dos Pinhais com turmas variadas, com vários tamanhos e várias idades”, relata. “Esse projeto é do Coletivo Inclusão, que antigamente a professora Talita fazia. Quando ela virou coordenadora, ela nos convidou para participar”, completa o professor. 

O Coletivo Inclusão é uma organização não governamental, sem fins lucrativos, que promove a inclusão social de pessoas com deficiência e pessoas em situação de vulnerabilidade social. 

A Escola CEDAE

A Escola CEDAE atende crianças com deficiência intelectual ou múltipla, utilizando essencialmente a estimulação e pré-escolarização com idade cronológica de zero 0 à 5 anos e 11 meses.

Oferece atendimento às crianças com síndromes, atrasos de desenvolvimento neuropsicomotor e deficiência intelectual. Também atende na área da saúde, fornecendo serviço social, neurologia, psicologia, fisioterapia, fonoaudiologia, nutrição, terapia ocupacional e musicoterapia. 

O objetivo é promover, através do processo educacional, a formação do cidadão, sua estruturação para a independência, autonomia, auto realização, através do processo ensino-aprendizagem, respeitando seu desenvolvimento biopsicossocial, suas potencialidades e sua diversidade como membro de uma sociedade inclusiva.

Colabore com a Apae

Aluna do CEDAE sorrindo para a tela em primeiro plano. Ao fundo crianças brincam

A Apae de Curitiba tem por missão promover e articular ações de defesa de direitos e prevenção, orientações, prestação de serviços e apoio à família, direcionadas à melhoria da qualidade de vida da pessoa com deficiência e à construção de uma sociedade justa e solidária. 

A associação é mantenedora de cinco escolas especializadas no atendimento à pessoa com deficiência intelectual ou múltipla. A instituição também conta com três centros terapêuticos que oferecem atendimentos à saúde. Atua em três pilares – educação, saúde e assistência social. Seja um APAExonado!

Notícias Relacionadas

Benefícios gerais da atividade física no TEA

Descubra os benefícios da prática de atividades físicas para crianças com Transtorno do Espectro Autista (TEA), aprenda a superar desafios específicos e conheça as atividades mais recomendadas para essas crianças.

Sem mais notícias por enquanto!
Pular para o conteúdo