Notícias

Moradores das Casas de Acolhimento Institucional recebem doação de ventiladores, aquecedores e reforma nos banheiros

Uma iniciativa que transforma vidas e eleva o bem-estar dos acolhidos, proporcionando ambientes mais acolhedores e adaptados às suas necessidades.
Logo Apae Curitiba
Redação Apae
Publicado em

Ao longo do ano de 2023, os moradores das Casas de Acolhimento Institucional da Apae Curitiba foram agraciados com a doação de 21 aquecedores e 21 ventiladores de teto, proporcionados pela Fundação de Ação Social (FAS). A instituição, que tem como objetivo cuidar, coordenar e implementar políticas de assistência social no município, possibilitou aos acolhidos um ambiente propício de conforto e bem-estar. 

Lucas Cunha, coordenador das Casas de Acolhimento, ressalta a significativa importância desta doação. Ele destaca a relevância especial desse apoio durante os períodos mais frios, uma vez que a região de Santa Felicidade, onde os residentes estão localizados, apresenta temperaturas notavelmente baixas devido à vegetação ao redor. Da mesma forma, nos dias mais quentes, a presença dos ventiladores desempenhará um papel essencial.

Atualmente, os equipamentos estão sendo instalados pela equipe de manutenção da Apae Curitiba, garantindo que todos os acolhidos possam usufruir dos benefícios.

‘’Fico feliz em ver nossos moradores tendo em seus lares adequações como essas. O que parece bobo para as pessoas, para eles é uma grande vitória e nós da Casa Lar vibramos e comemoramos juntos cada degrau dessas conquistas’’, disse Lucas. 

Reforma dos banheiros

WhatsApp Image 2024-01-31 at 08.45.52

Durante muito tempo os banheiros das Casas de Acolhimento Institucional também estavam precisando de reformas. A restauração só foi possível com o apoio de recursos doados pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Social e Família (SEDEF)

Conforme relato do coordenador, o piso de madeira estava extremamente deteriorado, acumulando maus odores, e os banheiros careciam de adaptações adequadas para pessoas com deficiência, como barras de apoio. Contudo, com a conclusão da reforma, esses espaços serão completamente transformados.

Lucas também conta que a reforma proporcionará mais mobilidade, usabilidade e conforto a todos os moradores. “Além da segurança, os banheiros contam com um sistema de alarme visual e sonoro para caso o morador precise solicitar ajuda de dentro do ambiente. Isso para nós e para eles é uma grande conquista!”, disse. 

O coordenador informa que a reforma do banheiro de uma das casas já foi concluída e o local já está sendo utilizado. Ainda, a reforma de mais duas casas está em andamento e logo estarão prontas. Essas outras empregam recursos ofertados pela Justiça Federal.

A Apae Curitiba expressa sua gratidão a todos que contribuíram com as doações. O apoio da comunidade é vital para que a instituição continue desempenhando seu papel em manter a qualidade de vida de todos os alunos e moradores. Seja também um APAExonado e colabore com nosso trabalho. Acesse aqui e confira algumas formas de apoiar nossa causa. 

Para saber tudo sobre Deficiência Intelectual, Síndromes e Transtornos, siga a Apae Curitiba no Facebook e Instagram.

Casas de Acolhimento Institucional

As cinco Casas de Acolhimento Institucional estão localizadas em Santa Felicidade, em Curitiba, e acolhem 34 pessoas. São casas de acolhimento para pessoas com deficiência intelectual ou múltipla, maiores de 18 anos, todos nas condições de órfãos, abandonados ou em situações de risco. Nelas os acolhidos residem permanentemente (como em um lar), frequentam as escolas, recebem os atendimentos da área de saúde e cuidados por mães sociais, responsáveis pelos cuidados, organização e administração das casas. 

O trabalho é desenvolvido em parceria com a Secretaria da Justiça, Família e Trabalho, que faz o encaminhamento de novos possíveis moradores, inclusive os advindos de determinação judicial, e o acompanhamento da qualidade do acolhimento e bem-estar dos moradores. O serviço é acompanhado pelo Ministério Público/Promotoria de Justiça de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência e Vara da Infância e da Juventude.

Texto: Eduarda Zeglin e Lorena Motter Kikuti

Notícias Relacionadas

Nota à Imprensa e a Comunidade

Voltar Notícias Paulo Fortunato Jornalista, Gerente de Comunicação, Markentig e Eventos Publicado em21 de fevereiro de 2024 A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Curitiba vem por

Sem mais notícias por enquanto!
Pular para o conteúdo