Notícias

APAExone-se por uma série inclusiva nesse fim de semana! ”As We See It”: apresenta a vida de jovens adultos

Uma história envolvente e cativante que apresenta uma perspectiva única e importante sobre a vida de pessoas no espectro.
bio-eduarda-zeglin
Eduarda Zeglin
Assistente de Comunicação, Marketing e Eventos
Publicado em

“As We See It” é uma série da Amazon Prime Video que conta a história de três amigos colegas de quarto com autismo em Nova York. Jack (Rick Glassman), Harrison (Albert Rutecki) e Violet (Sue Ann Pien) são jovens adultos que lutam para conseguir empregos, fazer novas amizades e encontrar o amor em um mundo que muitas vezes não os compreende.

A série aborda temas relevantes relacionados ao autismo, como a importância da independência e da autodeterminação, a necessidade de uma comunicação clara e direta e a luta contra os estereótipos e preconceitos associados ao autismo. Através da jornada desses três amigos, a série busca mostrar as dificuldades e desafios enfrentados por muitas pessoas que fazem parte do espectro e destacar a importância da inclusão e da aceitação em nossa sociedade.

Jack é um jovem que trabalha em uma loja de quadrinhos e luta para encontrar um emprego melhor e ser levado a sério como profissional. Harrison trabalha em um escritório de advocacia e luta para se adaptar às mudanças na rotina e aos desafios do ambiente de trabalho. Já Violet, luta para fazer novas amizades e encontrar o amor em um mundo que muitas vezes não compreende as suas necessidades.

Com a ajuda de suas famílias e amigos, os três amigos irão tentar alcançar seus objetivos pessoais rumo à independência e aceitação em um mundo que muitas vezes os ilude. A série também aborda a importância da conexão e amizade entre pessoas no espectro e destaca a força e resiliência desses jovens em um mundo tão incerto para eles.

“As We See It” é uma série emocionante e inspiradora que aborda de forma sensível e realista os desafios e triunfos da vida de pessoas dentro do espectro. A série tem sido elogiada por críticos e telespectadores por sua abordagem autêntica e inclusiva do autismo e por seu elenco diversificado e talentoso.

Além de trazer uma representação autêntica e inclusiva de pessoas com autismo, “As We See It” também aborda temas relevantes sobre o mundo do trabalho e as relações interpessoais. A série mostra as dificuldades enfrentadas pelos personagens na busca por emprego e na manutenção dos mesmos, ressaltando a importância da acessibilidade e inclusão no ambiente de trabalho.

A série também trata de questões como a amizade e o amor, destacando a importância da conexão humana e do relacionamento interpessoal para pessoas com autismo. Os personagens enfrentam obstáculos na busca por relacionamentos românticos e amizades, mas encontram apoio e compreensão entre si e entre as pessoas ao seu redor.

A série é um marco importante na representação de pessoas com autismo na mídia, já que apresenta uma narrativa centrada em personagens com o espectro sem recorrer a estereótipos e caricaturas. A produção da série contou com a colaboração de especialistas em como funciona o espectro e de organizações que representam pessoas com autismo, garantindo uma abordagem sensível e autêntica da condição.

“As We See It” é uma série que emociona e inspira seus telespectadores, ao mesmo tempo em que levanta importantes discussões sobre inclusão, acessibilidade e diversidade na sociedade. A série é uma importante contribuição para a representação de pessoas autistas e ao mesmo tempo um exemplo de como a indústria do entretenimento pode usar sua plataforma para promover a inclusão e a diversidade.

A série é uma ótima opção para o fim de semana, pois é uma história envolvente e cativante que apresenta uma perspectiva única e importante sobre a vida de pessoas com autismo. Com uma narrativa atraente e personagens interessantes e bem desenvolvidos, “As We See It” é uma série que irá emocionar e inspirar seus telespectadores.

Seja um Dindo ou uma Dinda e ajude a Apae

O projeto trata-se de uma ação de apadrinhamento onde a cada mês poderá ser doado uma determinada quantia para a instituição. O valor vai ajudar a Apae manter seu funcionamento e utilizá-lo nas reformas nas escolas. Podem participar da campanha qualquer pessoa interessada que entrar em contato através do e-mail [email protected]. Seja um dindo ou uma dinda clicando AQUI. 

Hoje a instituição atende quase 500 estudantes em cinco escolas, oferecendo saúde e assistência social. São realizados, em média, 50 mil atendimentos terapêuticos por ano e 3,5 mil por dia. Por ser uma instituição sem fins lucrativos precisa de apoio da sociedade. O ambiente precisa de reformas e para isso, que tal doar para a Apae Curitiba e apoiar a causa da pessoa com deficiência intelectual ou múltipla? É muito fácil, clique AQUI e saiba mais. 

Imagem: Amazon Prime/Reprodução

Notícias Relacionadas

Sem mais notícias por enquanto!
Pular para o conteúdo